O que será do meu Futuro?
28 de julho de 2011
O que é Fé?
30 de julho de 2011
Mostrar tudo

Será que Ele não se importa que pereçamos?


Jesus havia passado boa parte do dia na beira do “mar da Galiléia” ensinando, e grande multidão se ajuntou para ouvi-lo. O mar da Galiléia na verdade é um grande lago de água doce  onde os pescadores galileus ganhavam o seu sustento.
Em determinadas épocas do ano era comum tempestades de vento naquela região, e naquele dia uma dessas iria servir para testar a fé dos discípulos. Já era tarde e Jesus resolve passar para o outro lado:

“E, naquele dia, sendo já tarde, disse-lhes: Passemos para o outro lado.
E eles, deixando a multidão, o levaram consigo, assim como estava, no barco; e havia também com ele outros barquinhos.”(marcos 4:35-36)

 Jesus estava cansado, afinal ele tinha duas naturezas: a humana e a divina, e naquele fim de tarde as duas iriam estar em evidencia. Por ter uma natureza humana Jesus adormeceu, Ele direcionou-se até à popa do barco ajeitou bem uma almofada e dormiu. Enquanto ele descansava, uma tempestade de vento começou a se formar, as ondas se levantavam com fúria, os discípulos entraram em desespero, o barco começou se encher de água: 

“E levantou-se grande temporal de vento, e subiam as ondas por cima do barco, de maneira que já se enchia.”(marcos 4:37)

 A situação é grave, o vento é contrario, a tempestade é aterrorizadora, os discípulos estão a beira de um naufrágio, e onde está Jesus? Cadê o Mestre dos mestres? O que Ele está fazendo para ajudar os discípulos?  

E ele estava na popa, dormindo sobre uma almofada, e despertaram-no, dizendo-lhe: Mestre, não se importa que pereçamos?(marcos 4:38)

 Será que Ele não se importa? Como Ele consegue dormir em meio a uma tempestade dessas? Os discípulos despertam Jesus, de uma maneira que nos faz entender uma certa revolta.

Nós também, muitas vezes passamos por tempestades, os ventos sopram com violência e achamos que vamos perecer. Será que Ele não se importa que pereçamos?
Bom, precisamos antes de fazer essa pergunta, fazer outra ainda mais importante? Ele está no barco?
Se Ele está no barco, ou seja se temos buscado nele, ouvimos os seus ensinamentos, quando clamarmos a Ele, com certeza estará pronto à nos ajudar.

Os discípulos o despertaram, e a sua natureza divina fica em evidencia, e os eles comprovaram o seu grande poder. 

E ele, despertando, repreendeu o vento, e disse ao mar: Cala-te, aquieta-te. E o vento se aquietou, e houve grande bonança.”(marcos 4:39)

A tempestade serviu para um propósito: Fortalecer a fé dos discípulos, toda tempestade tem um propósito, as nossas também tem, ao invés de murmurar e questionar o porquê, deveríamos estar procurando saber para que servirá essa provação, que lição posso aprender com o mestre neste momento, afinal Ele está no barco, pode parecer que Ele esta dormindo, mas está apenas descansando; e você também pode descansar em meio as adversidades, Basta uma ordem dEle e tudo se acalma, Ele tem poder, Ele é Deus, Ele se importa sim, mas Ele também se importa com o nosso crescimento espiritual, e tempestades nos faz crescer, ficar mais fortes, e acima de tudo nos ensina a confiar no Senhor. 

“E disse-lhes: Por que sois tão tímidos? Ainda não tendes fé? E sentiram um grande temor, e diziam uns aos outros: Mas quem é este, que até o vento e o mar lhe obedecem?”(marcos 4:40-41)

Quando o vento se acalmar e a tempestade passar você vai estar mais forte, sua fé não estará nas suas próprias forças, mas naquele que até o vento e o mar lhe obedecem.
Basta uma ordem dEle e tudo se acalma, Ele está presente no barco, Ele se importa sim, Ele não quer que você pereça, Ele quer que você confie nEle.
Você também pode descansar em meio a tempestade!  

Autor: Thiago Vieira Machado (Thiaguinho)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *